Provérbios e adágios populares sobre o mês de Fevereiro

«Puxando a rede» 


A Sabedoria Popular é o resultado de séculos, se não mesmo de milénios, de experiências e saberes adquiridos e transmitidos, quase sempre oralmente, de geração em geração. 

Prova disso mesmo são, por exemplo, os Provérbios, Adágios, Rifões, Ditados Populares e Anexins, que existem aos milhares, sobre diversos e variados temas e assuntos.

Hoje vamos apresentar alguns Provérbios ou Ditados Populares sobre o mês de Fevereiro:

» Ao Fevereiro e ao rapaz perdoa-se quanto faz, desde que o Fevereiro não seja varão, nem o rapaz ladrão.

» Aveia de Fevereiro, enche o celeiro.

» Bons dias em Janeiro vêm a pagar em Fevereiro.

» Dia de S. Brás, a cegonha verás e, se não a vires, o Inverno vem atrás.

» Em chegando o S. Brás (dia 3), verás o que o Inverno fez e o que o Inverno faz: se vai para diante ou se fica para trás.

» Em dia de S. Matias (24) começam as enxertias.

» Em Fevereiro chuva, em Agosto uva.

» Em Fevereiro neve e frio, é de esperar ardor no estio.

» Em Fevereiro, ergue-se o centeio, a aveia enche o celeiro e a perdiz afaz-se ao poleiro.

» Em Fevereiro, mete obreiro; pão te comerá, mas obra te fará.

» Fevereiro afogou a mãe no ribeiro.

» Fevereiro chuvoso faz o ano formoso.

» Fevereiro coxo, em seus dias vinte e oito.

» Fevereiro engana as velhas ao soalheiro.

» Fevereiro enxuto rói mais pão do que quantos ratos há no mundo.

» Fevereiro o mais curto mês e o menos cortês.

» Fevereiro quente traz o diabo no ventre.

» Fevereiro seca as fontes ou leva as pontes.

» Fevereiro trocou dois dias por uma tigela de papas.

» Fevereiro quente, não o vejas tu nem o teu parente.

» Neve de Fevereiro, presságio de mau celeiro.

» O primeiro de Fevereiro jejuarás, o segundo guardarás e o terceiro é dia de S. Brás; semeia o cebolinho e tê-lo-ás.

» O tempo de Fevereiro enganou a mãe ao soalheiro.

» Para parte de Fevereiro, guarda lenha no quinteiro.

» Pelo S. Matias (dia 24), noites iguais aos dias.

» Quando a Candelária (dia 2) chorar, o Inverno está a passar. Quando a Candelária rir, o Inverno está para vir.

» Quando não chove em Fevereiro, nem bom prado nem bom palheiro.

» Tanta chuva pelas candeias (Nª Sª das Candeias, dia 2), tantas abelhas para as colmeias.

» Vai-te embora Fevereiro que não me deixaste nenhum cordeiro.

Imagem, meramente ilustrativa: «Puxando a rede» | Foto do sr. Manuel A. Leal – Lisboa | “Ilustração” nº4 – 1932 

Sugestões:


Mensagens populares deste blogue

Festas e Romarias Populares em Portugal - Norte (Trás-os-Montes e Alto Douro)

Festas e Romarias Populares em Portugal - Norte (Minho)

Distrito de Vila Real: Gastronomia

Danças populares portuguesas tradicionais

Desfolhada à Moda Antiga

Provérbios e adágios populares relativos ao mês de Abril

Arte Xávega é recriada pelo Município da Nazaré

Provérbios e adágios populares sobre o mês de Março

Distrito de Vila Real: Artesanato