Festas e Romarias Populares em Portugal - Norte (Minho)


Tal como dissemos no post anterior, vamos aqui fazer breve referências a algumas das Festas e Romarias que se realizam no Norte de Portugal, mas concretamente na antiga Província do Minho.

No Minho, existem, em quase todos os concelhos, Festas e Romarias conhecidas um pouco por todo o país e algumas mesmo no estrangeiro. A “rainha” de todas elas é, sem dúvida, a Romaria da Senhora da Agonia, tendo o conde de Aurora afirmado, em 1929, que ela era «a Festa Nacional do Minho».

O culto da Senhora da Agonia, em Viana do Castelo, remonta ao século XVIII. A primeira referência escrita data de 1744, sendo de 1773 a tela votiva mais antiga. A capela onde está guardada a imagem domina o Campo da Agonia, coração dos festejos e local da realização da feira semanal (às Sextas-feiras).

Em Monção, na Praça de Deuladeu, e após a procissão do Corpo de Deus, realiza-se a Festa da Coca: trata-se de uma representação da luta do Bem (um cavaleiro cristão) contra o Mal (um monstro ou dragão – a Coca). «A assistência forma um círculo em torno do dragão e do cavaleiro. Este representa São Jorge. A batalha termina sempre com a vitória do santo que, num último assalto, corta uma das orelhas à Coca. Desconhece-se o que fez surgir esta tradição de que há memória desde o século XVI, e que não se repete em mais nenhuma localidade do país.

A Romaria de S. João d'Arga, é uma das mais típicas do calendário festivo do Alto Minho. A Serra d'Arga, em Caminha, nos dias 28 e 29 de Agosto, recebe milhares de romeiros, que, por tradição, vão pedir a S. João cura para quistos, verrugas, doenças de pele e infertilidade ou mesmo uma "ajudinha" para arranjarem casamento.

É também no mês de Agosto (dia 24) que se realiza a Romaria de S. Bartolomeu do Mar, padroeiro da freguesia com o mesmo nome, pertencente ao concelho de Esposende, cuja tradição remonta já ao século XVI (1566): as crianças e respectivos pais transportem uma galinha ou frango (pinto ou “pito”, como por lá se diz) preto(a) durante três voltas à Igreja, que passem outras tantas vezes debaixo do andor e que, depois, vão à praia “furar” ondas em número ímpar: três, cinco, sete ou nove, o chamado “banho santo”.

Não podemos falar das Festas e Romarias no Minho e esquecermo-nos de fazer referências às Festas da Semana Santa, em Braga. Durante a Semana Santa, Braga acolhe milhares de peregrinos oriundos de todo o país e da Galiza. É um ritual dominado pelo conjunto de procissões nocturnas envoltas numa forte intensidade dramática. É assim logo na Quinta-Feira Santa com a Procissão das Endoenças, ou, segundo a designação popular, do Senhor da Cana Verde. Em Braga, a procissão é também apelidada de «Senhor Ecce Homo».

Para terminar, deixamos aqui mais três sugestões para consulta: Festas no concelho de Ponte de Lima, Festas no concelho de Caminha e Principais Festas e Romarias - Minho - 2012.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...